sexta-feira, 13 de julho de 2012

Estudo indica 750 milhões de toneladas de minério de ferro em Minas Novas

Minério de ferro 2 Estudo indica 750 milhões de toneladas de minério de ferro em Minas NovasTrabalhos de reconhecimento realizados pela empresa Coffey Mining apontam um potencial de recursos superior a 750 milhões de toneladas.

Um estudo publicado pela empresa Bahmex (Bahia Mineral Exploration) indicou a presença de mais de 750 milhões de toneladas de minério de ferro, das quais:

500 milhões de ITABIRITOS MAGNÉTICOS RICOS friáveis a semi-friáveis, com teores entre 50% e 63% Fe, do tipo Embarque Direto;
100 milhões de ITABIRITOS semi-compactos, com teores entre 30% e 50% Fe; e
150 milhões de QUARTZITO FERRUGINOSO com teores entre 16% e 30% Fe.

PROJETO FERRO MINAS NOVAS engloba 107.000 hectares em 59 áreas de autorização de pesquisa para minério de ferro na região de Capelinha-Minas Novas, no Nordeste do Estado de Minas Gerais.
 

Sem+T%C3%ADtulo 1 Estudo indica 750 milhões de toneladas de minério de ferro em Minas Novas
Localização do estudo. Clique na foto para ampliá-la
 
ulo 3 Estudo indica 750 milhões de toneladas de minério de ferro em Minas NovasA área do Projeto situa-se a cerca de 160 km de Montes Claros/MG, 190 de Governador Valadares/MG e 400 km de Brumado/BA, pontos de articulação com as ferrovias Centro Atlântica (FCA), Vitória Minas (EFVM) e da Integração Oeste-Leste (FIOL), respectivamente. A distância em linha reta para o Porto de Ilhéus/BA é de cerca de 400 km, o que permite cogitar-se também um projeto de mineroduto.
De acordo com os estudos “A formação ferrífera é principalmente do tipo silicosa enriquecida em ferro com magnetita e hematita, de granulação média a grosseira e, em geral, magnética.” Diz, ainda, que “As mineralizações em ferro constituem uma extensa bacia onde os trabalhos de reconhecimento e de aerogeofísica delimitaram uma extensão
total de cerca de 25 a 30 km de formações ferríferas bandadas.”

Segundo, ainda, os estudos, conclui-se que existe potencial econômico para geração de um novo empreendimento de produção de minério de ferro, em região de logística favorável e em um novo contexto geológico regional, no Nordeste do Estado de Minas Gerais.”

A empresa responsável do projeto diz que as áreas do Projeto encontram-se em situação de absoluta regularidade no âmbito do Departamento Nacional de Produção Mineral – DNPM e estão livres de quaisquer obstáculos de natureza ambiental, social e cultural que pudessem comprometer a obtenção de licenciamento.

Para ter acesso ao estudo completo, CLIQUE AQUI

Por Bernardo Vieira, do Blog do Jequi

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...