sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Governo de Minas anuncia asfalto para Vale do Jequitinhonha

ponte 300x187 Governo de Minas anuncia asfalto para Vale do Jequitinhonha, mas se esqueceu de trechos importantesCom investimentos de R$ 3,2 bilhões, etapa do Caminhos de Minas vai beneficiar diretamente 107 municípios e quatro milhões de mineiros.

O governador Antonio Anastasia anunciou nesta segunda-feira (06/08), no Auditório Juscelino Kubitschek, na Cidade Administrativa, o início de novas obras e licitações para projetos do programa Caminhos de Minas. Foram anunciados o início de trabalhos em quatro trechos e a abertura de licitação para 56 rodovias. Três trechos incluídos no programa já estão em andamento. O governador anunciou a licitação para elaborar projetos executivos em dez outros trechos.

O Governo do Estado está investindo R$ 3,2 bilhões nesta etapa do programa Caminhos de Minas, recursos que serão utilizados para pavimentação de 1.955,6 quilômetros de rodovias, beneficiando diretamente 107 municípios e 4 milhões de pessoas.

Os trechos do Caminhos de Minas no Vale do Jequitinhonha

Trecho
Ext. (km)
Áreas de influência (Municípios)
1.    
Água Boa – Malacacheta
48,8
Franciscópolis / Poté / Santa Maria do Suaçuí
2.    
Almenara – Distrito de Pedra Grande
35,0
 Almenara
3.    
Pedra Azul – Distrito de Pedra Grande
58,0
 Pedra Azul
4.    
Contorno de Minas Novas
1,2
 Minas Novas
5.    
Virgem da Lapa – Entroncamento para José Gonçalves de Minas (Ijicatu)
40,0
 Virgem da Lapa
José Gonçalves de Minas
TOTAL GERAL
183 Km

Obras iniciadas
Obras com inicio autorizado
Obras a licitar
Projetos executivos a licitar

O Caminhos de Minas, lançado em 2010, tem como objetivo ampliar e melhorar a infraestrutura logística dos municípios e regiões. É o maior programa rodoviário na história de Minas Gerais, envolvendo a implantação de 7.775 novos quilômetros de rodovias, distribuídos por 234 trechos, beneficiando diretamente 303 municípios e 7,3 milhões de mineiros.

O programa vai impulsionar a comunicação nas diversas regiões do Estado, além de desviar tráfego das rodovias troncais, propiciando maior segurança e mais tranquilidade e rapidez no deslocamento de pessoas, bens e cargas, com reflexo direto no desempenho da economia mineira.
 
Governo de Minas se "esqueceu" dos Caminhos do Vale 
Trechos importantes ficaram de fora do asfaltamento: Araçuaí-Novo Cruzeiro; Capelinha-Itamarandiba; Capelinha-Setubinha; Chapada do Norte-Leme do Prado entre outros
O anúncio de pavimentação de trechos de estradas do Programa Caminhos de Minas, feito na segunda-feira, 06.08, pelo Governador de Minas, Antônio Anastasia, cometeu injustiças e "esquecimento" de muitos trechos dos Caminhos do Vale do Jequitinhonha.
É claro que as comunidades a serem beneficiadas comemoram com a promessa, nestes tempos de eleições, e desconfiam quando sairá realmente das intenções e do papel as obras anunciadas.
Bernardo Vieira, do Blog do Jequi, de Minas Novas, registrou alguns destes trechos:
"Me surpreende outros importantes trechos ficarem de fora desta lista, como o asfalto de Chapada do Norte a Leme do Prado (17 Km), Capelinha – Itamarandiba – Senador Modestino Gonçalves (99 Km), Capelinha – Setubinha (50 Km), Carlos Chagas (Entr.MG418)-Divisa MG/ES (33,5 Km), Carlos Chagas-Pavão (68,2 Km), Diamantina -Monjolos (62,6 Km), Jequitinhonha-Pedra Azul – Entr.MGC251 (54 Km), Ladainha – Novo Cruzeiro (34,8 Km), Minas Novas-Chapada Norte-Berilo-Virgem Lapa (59,7 Km), Novo Cruzeiro – Entr. Araçuai (92 km)".
Podemos acrescentar a esta lista a reivindicação do movimento Caminhos do Vale:
No Alto Jequitinhonha
Minas Novas-Jenipapo de Minas; Minas Novas-Leme do Prado; Santo Hipólito-Monjolos-Diamantina.
No Médio Jequitinhonha
Berilo-Lelivéldia-Grão Mogol; Berilo-José Gonçalves de Minas; Rubelita-Comercinho; Itinga-Comercinho; Itaobim-Estiva;; Coronel Murta-Virgem da Lapa; Barrocão (Grão Mogol)-Adão Colares (Botumirim).
No Baixo Jequitinhonha
Pedra Azul-Mata Verde; Águas Vermelhas-Cachoeira do Pajeú, Taiobeiras-Fruta de Leite; Mirandópolis -Curral de Dentro; MG 406 – Rubim – Rio do Prado; Mata Verde – Divisópolis ; Jordânia – Salto da Divisa ; Bandeira – Macarani BA; Palmópolis – Jucuruçu – BA; Águas Vermelhas – Berizal; Rubim – Santo Antônio do Jacinto.
Fonte: Agência Minas via Blog do Jequi / gazeta de Araçuaí

2 comentários:

EDER JOSE GODINHO FERNANDES disse...

Fico com pena da população de Berilo e Chapada do Norte que so são lembrados nas promessas eleitoreiras, porque quando o assunto e melhorias mais uma vez são esquecidos........ ''BRASIL UM PAIZ DE TODOS ''

EDER JOSE GODINHO FERNANDES disse...

Mais uma vez os Municipios de Chapada do Norte e Berilo foram esquecidos , quanto descaso.Mais e claro não podem sanar um problema que um prato cheio das campanhas eleitoreiras ..... Lamentavel ,,,,,

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...