sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Revista Época coloca Turmalina entre as 5 cidades brasileiras campeãs em Saúde


Turmalina, no Vale do Jequitinhonha, foi uma das cinco cidades brasileiras campeãs em saúde, segundo ranking citado pela Época.

Foto: DivulgaçãoRevista Época coloca Turmalina entre as 5 cidades brasileiras campeãs em Saúde
Turmalina está situada na região do Alto Vale do Jequitinhonha.
Em uma edição especial denominada “Cidades”, a revista Época desta semana lista as cidades brasileiras com os melhores indicadores de desempenho em diversas áreas.

Neste levantamento, os municípios mineiros de São Lourenço e Turmalina foram destaques em educação e saúde, respectivamente.

De acordo com a publicação, São Lourenço, no Sul de Minas, faz parte do seleto grupo de cidades brasileiras que conseguem oferecer educação pública de qualidade com equidade entre todas as escolas.
Todas as instituições de ensino do município – ao todo são 10, com 1.750 alunos matriculados – foram bem avaliadas.

A distância entre a melhor (nota 6,9 no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, Ideb) e a pior escola (nota 5,1) é pequena, e o índice de abandono é de 0,2%, contra 1,7% registrado no país.

Além da cidade mineira, apenas quatro outras, de 929 avaliadas em todo o Brasil, conseguiram alcançar a façanha. “Apenas cinco, num total de 929 cidades, têm 100% das escolas com nota média igual ou superior à recomendada. São elas: Sertãozinho e Lençóis Paulistas, ambas em São Paulo, Foz do Iguaçu, no Paraná, São Lourenço, em Minas Gerais, e Sobral, no Ceará”, diz a reportagem.

Turmalina nota 10

Por sua vez, Turmalina, no Vale do Jequitinhonha, foi uma das cinco cidades brasileiras campeãs em saúde, segundo ranking citado pela Época.

  De 2008 para cá, “a cobertura populacional das equipes de saúde básica cresceu de 60% para 100%”, afirma a reportagem.

Em Turmalina, 27 dentistas atendem a cidade e a zona rural, a fila de espera nos seis postos de saúde é pequena, os idosos, em casos específicos, recebem atendimento em domicílio, e as consultas são agendadas por agentes de saúde e técnicos de enfermagem que vistam as casas.
O município situado no Vale do Jequitinhonha tem pouco mais de 18 mil habitantes. É administrado por Zailson Godinho (PMDB).
Fonte: Agencia Minas BLOG DO BANU

Um comentário:

Anônimo disse...

Não concordo com essa pesquisa, pelo menos em dezembro fui até o hospital tentar uma vaga com um médico, esperei durante 3 Horas e voltei para casa sem atendimento.
J.A.S

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...