quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Neto de ex-prefeito de Araçuai é encontrado morto em Belo Horizonte



O corpo do advogado Rafael Tanure foi reconhecido no IML pela médica e vice-prefeita de Araçuai, Rita Capdeville, de quem o advogado era enteado. Há suspeitas que ele tenha sido vítima de latrocínio.
Será cremado  na quarta-feira (26/12) em Belo Horizonte,  o corpo do advogado Rafael Jayme Tanure, 35 anos.



Pós- Graduado em Direito pela Universidade de Coimbra, Rafael Jayme Tanure, morreu aos 35 anos
Ele foi encontrado morto na tarde de domingo(23.12) no Instituto Médico Legal de Belo Horizonte e reconhecido pela médica e vice-prefeita de Araçuaí(MG),  Rita Capdeville, de quem Rafael era enteado.

  
Há suspeitas de que o advogado tenha sido vítima de latrocínio ( matar para roubar) na terça-feira(18.12).

Seu carro, um Agili 2011, foi achado sem os pneus no bairro João Pinheiro em Belo Horizonte.
  
 O celular e a carteira com documentos do advogado  não foram encontrados. Sua página no facebook foi apagada.
  
 O crime pode ter ocorrido nas proximidades de Ibirité, região Metropolitana de Belo Horizonte,  onde a mãe do advogado possui um sítio.
  
 Ele estava bastante machucado e com várias hematomas. Uma perícia vai determinar de que forma o advogado foi morto. Ele foi encontrado com vida por policiais e encaminhado para o Pronto Socorro João XXIII mas não resistiu aos ferimentos e faleceu poucas horas depois.

Foi instaurado inquérito na Delegacia de Polícia Civil  da região do Barreiro, zona oeste da capital para apurar o caso.Ainda não há suspeitos.

Filho de família tradicional

Filho de duas famílias tradicionais de Araçuai, no Vale do Jequitinhonha, Rafael era neto do médico sanitarista e ex-prefeito de Araçuaí, Múcio Scévola Gonzaga Jayme, 87 anos e filho do também médico Jansen Tanure e da odontóloga Bethânia Maria Gonzaga Jayme
  
Formado em Direito pela Pontificia Universidade Católica (PUC), Rafael chegou a residir por dois anos na Rússia ( antiga União Soviética) e era Pós- Graduado em Direito Europeu pela Universidade de Coimbra ( Portugal ).
  
A família atordoada, busca respostas para a morte trágica de um jovem talentoso e brilhante. Ele deixou escritos vários artigos publicados por importantes revistas de Direito.Um dos últimos,  foi publicado pelo Jornal Estado de Minas.

“ Estamos chocados. Ainda não sabemos o que aconteceu e como aconteceu”, disse o advogado Ary Gonzaga , tio de Rafael. 

Rafael era enteado da vice-prefeita de Araçuaí, a médica Rita Captdeville, que reconheceu o corpo  no IML. 
Ele esteve em Araçuai há pouco mais de 10 dias. Depois seguiu para Belo Horizonte. A última nóticia é que ele iria para o sítio da mãe na região de Ibirité, onde o corpo foi encontrado.

Antes, passou em seu apartamento para apanhar algumas roupas. Foi a última vez que foi visto.

 Preocupada com a falta de notícias , sua mãe  pediu há 4 dias,  que o gerente do Banco olhasse a movimentação da conta do filho. Não havia saques.Isso fez com que ela acionasse a família para localizar  Rafael.

A notícia de que o corpo havia sido localizado no IML foi dada pela vice-prefeita de Araçuai, Rita Capdeville.

Dois aviões transportaram a família que estava em Araçuaí para Belo Horizonte. Todos estavam reunidos na cidade, para os festejos de Natal.

O único irmão de Rafael é piloto da Tam e está em Milão, na Itália. A família aguarda sua chegada para o funeral

O corpo do advogado será cremado.

Sérgio Vasconcelos
Repórter
no Gazeta de Araçuaí

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...