segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Temporal causa estragos e prejuízos em Capelinha


 
A forte chuva que caiu sobre Capelinha no final da tarde deste domingo, dia 27, provocou enormes estragos em várias ruas com a destruição de parte do asfalto e retirada de bloquetes, invadiu residências, destruiu muros, comprometeu algumas pontes sobre o córrego Areão e deixou os moradores em estado de alerta. A chuva durou cerca de uma hora e foi superior a 90 milímetros. Os estragos e prejuízos foram registrados em praticamente todos os bairros e, principalmente, na área central da cidade.

Logo após o temporal, equipes da Prefeitura, coordenadas pela Secretaria Municipal de Obras, fizeram vistorias nos locais mais atingidos e constataram o grau de destruição em ruas, pontes, residências e estabelecimentos comerciais. Desde a manhã desta segunda-feira, homens e máquinas da Prefeitura estão realizando mutirões para a limpeza de ruas com o recolhimento de bloquetes e retirada de entulhos, lama e parte do asfalto danificado.

Segundo o secretário de Obras, Agnaldo Oliveira, “a limpeza da cidade deve demorar cerca de duas semanas e não tem previsão para a conclusão dos serviços de recuperação dos estragos, pois a meteorologia indica a possibilidade de novas chuvas sobre a cidade”. A orientação é que a população de Capelinha fique em alerta máximo para se proteger de possíveis temporais nos próximos dias. Outra orientação é para os comerciantes e famílias que tiveram seus estabelecimentos e casas atingidas, além de muros destruídos. Essas pessoas devem registrar a ocorrência para compor o relatório que será enviado ao governo de Minas e à Coordenadoria Estadual de Defesa Civil-CEDEC solicitando algum tipo de ajuda para a recuperação dos estragos e prejuízos.

Fotos: Cleuber Luiz

2 comentários:

Anônimo disse...

Isso, infelizmente, vai acontecer sempre que houver chuvas, já que o asfaltamento é precário e de forma superficial apenas, sempre que chove e há estragos, buracos no asfalto, vão lá "reparam" mais ou menos e acham que tá bom, aí chove novamente e acontece a mesma coisa.. Nunca vai mudar se não fizerem um asfaltamento e manilhamento descente, coisa que prefeito algum vai fazer pois é "serviço escondido" e não vai exalta-lo ou aumentar o nome do mesmo.. Sobre a enxurrada invadir residências ocorre também por estacionarem carros de forma errada , com as rodas coladas ao "meio-fio", a água que desce da br, sai "varrendo" o lixo das ruas, batem nas rodas dos carros e invadem casas, quando a gente reclama com os donos dos carros, acham ruim ainda.. O problema não é a chuva, o problema é a situação precária de asfaltamento e falta de manilhamentos adequados e também algumas irresponsabilidade de algumas pessoas.. É uma pena ver Capelinha assim, mas infelizmente, mudar não vai =[[[

Anônimo disse...

Quando não acontecer coisas piores, eles não faram uma obra descente. Todas as vezes que chove, Capelinha fica toda emburacada. Próxima a minha casa(Av. Trancredo Neves com a rua Piedade)tem um enorme buraco, porque as manilhas não contem a evasão de água que passa a enxurrada, os moradores jogaram sacos de areia no buraco,pois precisavam atravessar a rua com seus veículos. Funcionários da prefeitura colocaram uma pequena camada de massa sobre os sacos na quinta feira passada, três dias depois choveu e tudo foi embora.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...