terça-feira, 1 de outubro de 2013

Eu não me importo! Desde que a pimenta seja no "zoião" dos outros


Por Aléquison Gomes

Pelo menos cinco crianças morrem de fome por minuto, diz ONG. Bom, estou tranquilo. Já fiz minha parte em relação a esse quadro caótico no mundo. Acordei pela manhã, liguei a TV, assisti os jornais, me lamentei, xinguei deus por causa do mal que afeta a humanidade e fiquei muito puto.

Segundos depois: mudei de canal, pedi uma pizza, reclamei do sabor,me distrai, adormeci e fiquei esticado em minha confortável cama com meu estômago cheínho de guloseimas torcendo para cair comida do céu na cabeça do meu vizinho que está passando fome.

Meu time de futebol paga milhões de reais aos seus jogadores para correrem atrás de uma bola, enquanto na outra parte do mundo a molecada morre de fome por não aguentar mais correr atrás de comida.

Achei isso uma desgraça! Mas, já fiz minha parte: lamentei tudo, virei mais um copo e comemorei o gol!

Uma menina deu a luz na fila de um Hospital. Coitada! A família disse que ela foi tratada como animal. Chutei a parede, amaldiçoei o sistema brasileiro de saúde, sai pra rua, acelerei o carro, ignorei uma senhora que atravessava com dificuldades a rua, berrei no ouvido de uma moça doente que estava tentando chegar ao Hospital, a deixei jogada no chão, voltei pra casa e protestei no meu sofá.

Fiz minha parte! Estou mudando o mundo.

Assinado: Jovens “internetianos” do nosso País. (Que não declaram isso abertamente assim. Mas é exatamente dessa forma que se comportam: Indignados, falantes, mas sem atitude nenhuma diante do que realmente pode ser feito)


No Caminho, te explico! 

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...