quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

As transições inevitáveis da vida!



Por Aléquison Gomes

Imagine isso: você está em um daqueles almoços com toda família reunida em uma data comemorativa na casa de sua avó. De repente alguém trás um álbum de fotos do passado para expor na mesa e extrair do grupo boas risadas. Ai você olha para a mesa e se vê em uma daquelas fotos. Leva um baita susto com a imagem que anuncia o quanto você se transformou ao longo dos anos! Irreconhecível. 

A princípio, isso parece ser algo irrelevante, ou uma mera bobagem. Mas na verdade nos apresenta um principio fatal: A INEVITABILIDADE DAS TRANSIÇÕES DA VIDA!

Basta um simples passeio por lugares que conhecemos no passado, ou uma prosa com antigos conhecidos, para perceber que tudo se transforma decisivamente e não há nada que possa deter a fúria esmagadora do tempo.  Nem plásticas, nem retoques, nem máscaras e nem simpatia. É parte natural da existência!

O tempo é radical e cruel. Passa levando quase tudo.

A vida nos apresenta diariamente momentos de transformações, passagens e mudanças que nem sempre vem trazendo alegria.  O escritor do livro bíblico de Eclesiastes nos deixou uma alerta: para tudo há um tempo determinado debaixo do sol, nessa nossa vida passageira.

Existem tempos de risos (ainda bem que são muitos) Mas existem tempos de choro também. 
Existem bons tempos de abraços quentes, amigos sinceros, beijos calorosos e celebrações. Mas existem também momentos de boca seca, vazio na alma, esquecimento e amarga solidão. 

Ninguém pode escapar desses acasos da vida.

O ideal para manter a saúde mental, não é fugir do inevitável... é aprender a viver em contentamento em toda e qualquer circunstância, aproveitando os dias e extraindo o melhor de cada estação, sabendo que quando se tem o coração na luz, até em meio a guerra se encontra descanso, aprendizado e refrigério para o coração.

No Caminho, te explico. 

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...