sexta-feira, 30 de maio de 2014

Polícia Civil de Minas Gerais recebe 90 veículos para trabalhos estratégicos

Com aportes de R$ 3,6 milhões, medida tem o objetivo de reforçar a segurança em todo o Estado, além de apoiar o trabalho de investigação da corporação

Com investimentos de R$ 3,6 milhões, o governador Alberto Pinto Coelho entregou, nesta sexta-feira (30/05), na Cidade Administrativa, 90 veículos para a Polícia Civil, beneficiando 53 municípios. São 70 Focus e 20 Sanderos, todos equipados para a atividade policial. Os veículos não são caracterizados como viaturas, porque se destinam a trabalhos estratégicos, nos quais a presença do investigador deve ser mantida de forma velada.

“Esses carros vão atender imediatamente mais de 50 municípios, mas o total de veículos adquiridos para as nossas forças policiais, em 2013 e 2014, é de 3.283 para atender Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros. Estamos preparando as nossas forças policiais cada vez mais, aumentando os contingentes e qualificando-as também com treinamentos e ensinamentos permanentes para fazer face ao desafio da segurança pública”, destacou o governador.

Dos equipamentos entregues nesta sexta-feira, 24 novos veículos serão destinados para Belo Horizonte com o objetivo de reforçar o trabalho de departamentos como os de investigação de crimes contra o patrimônio, de homicídios e de investigação antidrogas. Dos municípios da Região Metropolitana, serão beneficiadas unidades policiais de Contagem, Betim, Ribeirão das Neves, Ibirité, Santa Luzia, Nova Lima, Sabará e Vespasiano.

O chefe da Polícia Civil, delegado-geral Oliveira Santiago Maciel, explicou os critérios que estão sendo utilizados para a distribuição das viaturas entre os municípios mineiros. “Fizemos um planejamento bastante específico, técnico institucional e criterioso. Estamos atendendo as 296 comarcas do Estado, que têm policiais civis e delegados, os municípios que estão envolvidos com a Copa do Mundo, e também os 15 municípios tidos como os mais violentos. Todos esses critérios foram levados em conta”, detalhou.

Veículos não são caracterizados como viaturas, porque se destinam a trabalhos estratégicos – Foto: Omar Freire

Renovação da frota

Os novos veículos integram o pacote de 436 viaturas já adquiridas pelo Governo de Minas, com investimentos de R$ 17,5 milhões, a serem entregues até o final do ano. Até o momento, já foram entregues 290 unidades. Em 2013, o governo estadual investiu R$ 12 milhões na compra de 182 viaturas para a Polícia Civil, além de R$ 4,3 milhões para a aquisição de 30 rabecões para a capital e o interior.

No total, em 2013 e 2014, o Governo de Minas está investindo R$ 165 milhões para a compra de 3.283 viaturas, recursos que incluem aqueles provenientes de operações de crédito e emendas parlamentares. São carros para as polícias Civil e Militar e para os sistemas Prisional e Socioeducativo, a serem entregues até o final de 2014.

O secretário de Estado de Defesa Social, Rômulo Ferraz, destacou que a entrega dos novos veículos faz parte de um esforço maior do Governo de Minas nos últimos anos para a reposição e renovação dos recursos materiais e humanos das forças policiais. “Temos uma série de investimentos na área de logística, de inteligência, além de um esforço enorme, ao longo desse tempo, para a realização de todos os concursos possíveis para a Polícia Civil. Tivemos uma posse expressiva de novos delegados e, agora, estamos com concurso em andamento para investigador, que será uma reposição também muito importante”, afirmou. O Governo de Minas realizou ainda concurso para a contratação de escrivães e médicos legistas.
Delegacia Móvel

Durante a solenidade de entrega das viaturas, o governador Alberto Pinto Coelho visitou o interior do ônibus da Polícia Civil, que irá funcionar como a primeira delegacia móvel de Minas Gerais. A unidade tem previsão para entrar em funcionamento durante a Copa do Mundo e conta com tecnologia suficiente para dar suporte às pessoas que precisarem registrar ocorrências.

“Será mais um legado que o Estado vai receber com a Copa do Mundo. A delegacia móvel vai atuar em eventos do Mundial. Depois irá se integrar ao trabalho diário da Polícia Civil, da mesma forma que o Centro Integrado de Comando e Controle, instalado na Cidade Administrativa, que permite o monitoramento de 1.380 pontos através de câmeras. Será um importante instrumento para o período dos jogos e, posteriormente, uma ferramenta fundamental para a Região Metropolitana de Belo Horizonte”, afirmou Alberto Pinto Coelho.
Distribuição dos 90 veículos

Sandero: Belo Horizonte (2), Contagem (1), Conceição do Mato Dentro (1), Prudente de Morais (1), Juiz de Fora (4), Uberaba (1), Governador Valadares (1), Uberlândia (4), São Gonçalo do Abaeté (1), Montes Claros (1), Felixlândia (1), Sete Lagoas (1) e Aiuruoca (1).

Focus: Belo Horizonte (22), Contagem (1), Betim (1), Ribeirão das Neves (1), Ibirité (1), Vespasiano (2), Santa Luzia (1), Nova Lima (1), Sabará (1), Ubá (1), Muriaé (1), Uberaba (2), Araxá (1), Frutal (1), Lavras (1), Varginha (1), Três Corações (1), Campo Belo (1), Divinópolis (1), Governador Valadares (2), Ituiutaba (1), Patos de Minas (1), Montes Claros (2), Januária (1), Ipatinga (1), Caratinga (1), João Monlevade (1), Ponte Nova (1), Manhuaçu (1), Barbacena (1), Conselheiro Lafaiete (1), São João del-Rei (1), Curvelo (1), Capelinha (1), Pedra Azul (1), Nanuque (1), Unaí (1), Pouso Alegre (1), Itajubá (1), São Lourenço (1), Poços de Caldas (1), Alfenas (1), Passos (1), Guaxupé (1) e São Sebastião do Paraíso (1).

Aconteceu No Vale

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...