quarta-feira, 11 de junho de 2014

Jovem invade igreja católica e destrói imagens de santos em Minas



Um jovem de 18 anos foi preso após invadir uma igreja católica de Montes Claros, no Norte de Minas, e destruir, pelo menos, sete imagens de santos, nessa terça-feira (10). Após cometer o crime, o suspeito fugiu para um templo evangélico.

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar, Ítalo Tiago Ferreira da Silva foi localizado dentro da Igreja Universal do Reino de Deus. Segundo populares contaram à polícia, minutos antes, o homem entrou Igreja Matriz de Nossa Senhora e São José, na praça Doutor Chaves, no centro da cidade, e começou a correr, vindo a quebrar as peças.

Em sua página no Facebook, o criminoso afirma que trabalha para a “Força Jovem da Universal”. Em um post, o jovem escreve que “Jesus e o pai a universal e a mae e Pr alexandre cuida kkkk (sic)”.

Silva foi encaminhado para a Delegacia de Plantão de Montes Claros. Durante o depoimento prestado, conforme a Polícia Civil (PC), o jovem alegou que não se lembrava de nada do que havia acontecido. Um medicamento controlado, não precisado pela corporação, foi apreendido em poder do suspeito.

Ainda não é possível precisar se o rapaz agiu sozinho, mas o caso será investigado pela 1ª Delegacia de Montes Claros. Silva foi encaminhado para o presídio da cidade, uma vez que foi preso em flagrante. Os danos causados à igreja serão calculados pela perícia, que deve ficar pronta em 10 dias.

A reportagem de O TEMPO tentou contato com o pároco da matriz, padre Dorival Souza Barreto Júnior, mas ele não estava na matriz.

Por e-mail, o assessor do Departamento de Comunicação Social e de Relações Institucionais da Igreja Universal do Reino de Deus, Renato Parente, informou que Silva não pertence ao grupo “Força Jovem Universal”, que é um programa que mobiliza, atualmente, 500 mil jovens em todo o país desenvolvendo prática esportiva e cursos profissionalizantes.

Ainda segundo a assessoria, o homem que destruiu as imagens dos santos visitava a igreja há apenas uma semana e já havia protagonizado cenas de descontrole emocional durante os cultos.

A Igreja Universal do Reino de Deus também afirmou que condena a violência praticada sob qualquer pretexto ou motivação.

Atualizada às 15h08

O TEMPO

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...